Paleontólogos encontram fóssil de dinossauro que morreu no impacto de asteroide

Paleontólogos encontram fóssil de dinossauro que morreu no impacto de asteroide

Paleontólogos encontram fóssil de dinossauro que morreu no impacto de asteroide

Detritos da rocha espacial que caiu na península de Yucatán, há 66 milhões de anos, foram detectados nas escavações realizadas na Dakota do Norte

Foto: BBC

LONDRES – Paleontólogos afirmam que identificaram um fóssil de um dinossauro que teria morrido no dia do impacto do asteroide que aniquilou os grandes répteis, há cerca de 66 milhões de anos.

O fóssil de Tescelossauro, encontrado no sítio de Tanis, no estado americano da Dakota do Norte, incluí uma perna em que fora identificados detritos que seriam provenientes do meteoro. As escavações foram registradas pela BBC em um documentário, narrado pelo naturalista britânico Sir David Attenborough, que será lançado neste mês.

— A dimensão de tempo que podemos alcançar neste sítio está além dos nossos sonhos mais loucos … Isso realmente não deveria existir e é absolutamente lindo — disse a BBC Phillip Manning, professor de História Natural da Universidade de Manchester.

Além da perna, peixes encontrados na área também reforçaram a tese de que os fósseis datariam do dia da queda do asteroide na península de Yucatán, há 3 mil quilômetros de distância. A análise dos fósseis mostrou que os peixes haviam respirado os detritos que foram soltos no ar após a colisão da rocha espacial.

A presença dos detritos no sítio de Tanis permitiu aos cientistas datarem com precisão o que acreditam ter sidos os últimos momentos desses animais que vagavam pela Dakota do Norte há milhões de anos no passado:

– Nós temos tantos detalhes com este sítio que nos dizem o que aconteceu momento a momento, é quase como assistir isso acontecer nos filmes. Você olha para a coluna de rocha, você olha para os fósseis lá, e isso te traz de volta àquele dia —  disse Robert DePalma, da Universidade de Manchester.

Fonte: Época

Ciência e Tecnologia Curiosidades Mundo