Ypiranga o maior detentor de municipais

(Artigo publicado pelo Jornal CCO impresso em 12/09/2020) – Edição 2068

Marlon Santos

ALÔ, ARCOS! Enquanto a bola não volta a rolar em nossos estádios, vamos recordar títulos municipais conquistados pelas equipes de Arcos. Vamos começar com o maior conquistador de municipais de Arcos, ou seja, o Ypiranga Esporte Clube. O municipal começou a ser realizado e organizado pela Liga Amadora de Arcos em 1990, mas somente em 1993 o Ypiranga levantou a primeira taça, que seria uma sucessão de cinco troféus consecutivos e lhe renderia o pentacampeonato municipal. Depois o Ypiranga voltou a levantar a taça em 2002, após de quatro anos sem sentir o sabor do título. Em 2005, novamente os ypiranguistas foram os donos do futebol de campo em Arcos, e levaram seu torcedor a comemorar mais uma taça. Mas entre os anos de 2006 até 2011, eis que o Ypiranga amargou um jejum de quatro anos e o torcedor estava ansioso para comemorar uma nova alegria e ver seu time na parte alta do pódio. Já em 2011 o Ypiranga voltou a conviver com as vitorias e títulos, e nada melhor que retornar a rotina derrotando o arquirrival que é o Associação na grande final. Ninguém poderia imaginar que as sucessões de conquistas iriam perdurar durante longos seis anos e a equipe celeste chegaria ao hexacampeonato, um fato histórico e que proporcionou ao Ypiranga a fama de ‘maior detentor de títulos municipais’ ao acumular treze títulos ao longo da história do nosso tradicional municipal. Ano passado a LIADE não organizou o municipal. Porém, a SEMCELT se incumbiu de organizar o Campeonato Arcoense de Futebol, e em sua primeira edição o torneio teve como campeão o Ypiranga Esporte Clube, que comemorou o título no estádio Juca Pequeno, campo do Vila, e mostrou que realmente nasceu com intuito de ser um campeão.

 

Próxima edição

Na próxima edição, iremos relatar a história do Vila Esporte Clube, que tem cinco conquistas do campeonato municipal e conta com o apoio de uma imensa torcida. O Vila é um dos mais tradicionais times de futebol da região e sempre esteve disputando os principais campeonatos realizados.

 

Presidente do Cruzeiro admite decepção com Giovanni, mas faz balanço posi tivo de reforços

O presidente do Cruzeiro está satisfeito com o que os reforços contratados por ele vêm apresentando, apesar do mau momento na Série B. Em entrevista coletiva virtual, Sérgio Santos Rodrigues fez um balanço positivo das contratações, com exceção ao lateral esquerdo Giovanni, quem ele admite que não está correspondendo.

 

Títulos do Ypiranga

1993- Ypiranga
1994- Ypiranga
1995- Ypiranga
1996- Ypiranga
1997- Ypiranga
2002- Ypiranga
2005- Ypiranga
2011- Ypiranga
2012- Ypiranga
2013- Ypiranga
2014- Ypiranga
2015- Ypiranga
2016- Ypiranga

 

Em 2019

No ano passado, algumas equipes resolveram mudar o rumo do futebol de Arcos e entregaram os direitos da realização à Secretaria Municipal de Cultura Esporte Lazer e Turismo. E assim a SEMCELT organizou o Campeonato Arcoense de Futebol com a presença de sete equipes. O torneio resgatou a juventude arcoense aos gramados e as equipes lutaram pelo título. Como no ano passado não tivemos a realização do tradicional campeonato municipal, eis que o Campeonato Arcoense de Futebol foi a solução para que a bola rolasse nos gramados. O grande campeão foi o Ypiranga e o vice o Vila. Os torcedores ypiranguistas que lotaram o estádio Juca Pequeno comemoraram o título como se fosse o principal dos últimos anos. 

 

Marcone e Tiago Belarma

O meio campista Marcone esteve comandando o Ypiranga ao longo dos últimos anos e é considerado um ídolo por parte dos torcedores azuis. Marcone quase sempre esteve com a faixa de capitão e comandava a equipe com maestria dentro e fora das quatro linhas. O meio campista é dono de uma personalidade que sempre encantou o torcedor celeste. Outro que deixou sua marca registrada é o arqueiro Tiago Belarma, que com defesas incríveis contribuiu para o sucesso do Ypiranga. Na década de 1990, Didi era o craque que brilhava nos gramados, e foi o responsável direto pelo pentacampeonato.

Colunas