Os Atributos de Deus

Rev. Saulo de Oliveira Matos

Nos dias atuais a Igreja tem perdido o senso da majestade e sublimidade do glorioso Deus das Escrituras, e isso de um modo geral. Essa perda tem acontecido quase imperceptivelmente. Verdade é que o Cristianismo moderno não está produzindo pessoas tementes a Deus, pessoas que refletem a experiência do profeta Isaías quando disse: “Então, disse eu: ai de mim! Estou perdido! Porque sou homem de lábios impuros, habito no meio de um povo de impuros lábios…” (Is 6.5A).

O fundamento de todo conhecimento verdadeiro de Deus somente pode vir através da clara compreensão mental de Suas perfeições, segundo revelam as Escrituras Sagradas. Não nos é possível servir nem adorar a um Deus desconhecido, nem depositar Nele a nossa confiança.  

Necessitamos de algo mais que um conhecimento teórico de Deus. Só conhecemos verdadeiramente a Deus em nossa alma, quando nos rendemos a Ele por uma obra exclusiva do Espírito Santo, quando nos submetemos à Sua autoridade e quando os

Seus preceitos e mandamentos regulam todos os pormenores de nossa vida.

É pertinente e urgente que a igreja contemporânea possa trazer de volta ao povo de Deus aquela apreciação da gloriosa pessoa de Deus, que levou o renomado Rev. Dr. Charles Haddon Spurgeon (1834- 1892) a dizer: “A ciência mais elevada, ou a inquirição mais sublime, ou a sabedoria mais importante que possa ser contemplada pelo verdadeiro cristão é o nome, a natureza, a pessoa, a obra e a existência do grande Deus a quem chamamos Pai.” Como Igreja Presbiteriana de Arcos, estamos trabalhando para que possamos: conhecer, preservar e viver o Evangelho de maneira integral, amando ao Deus relevado nas Escrituras. Caro cidadão de nossa cidade, você é nosso convidado para participar desta busca ao santo conhecimento do Deus Trino.

Colunas